Informações em Ginecologia e Obstetrícia para a Mulher


  + Justificativa

  + Privacidade
  + Perguntas e respostas
  + Sobre o consultório
 

Auto Exame das mamas
   

Dr. Einar Arthur Berger - Ginecologia da Terceira Idade :-

 

Uma das grandes vitórias da medicina moderna é a profilaxia: a arte médica aliada a tecnologia medico-científica capaz de eliminar enfermidades, diagnosticar precocemente e evitar danos irreversíveis a saúde da humanidade. Dia virá em que a maioria das doenças, mesmo que muitas e muitas gerações sofrerão ainda os seus males, não mais existirá. Essa será a vitória final da profilaxia sobre a enfermidade.

O auto-exame das mamas é um dos itens que visa justamente isso: diagnosticar o câncer de mama antes que ele atinja áreas de difícil tratamento.

Quem deverá fazer o auto-exame?
Toda a mulher acima de 25 anos deverá se auto-examinar. O procedimento é simples: Logo após o término da sua menstruação, imediatamente antes do banho, despida e na frente do espelho ela iniciará o exame da mama esquerda elevando o braço esquerdo por detrás da cabeça e observando no espelho a superfície da mama tentando enxergar saliências ou reentrâncias causadas por algum nódulo. Dividindo a mama em quatro quadrantes, ou seja, criando uma cruz imaginária passando pelo mamilo, a mama ficará dividida em quatro partes. Com a mão direita palpando gentilmente e suavemente a mama esquerda com a polpa dos dedos fará a palpação iniciando nos quadrantes externos e posteriormente nos internos. Troca de mãos para examinar a outra mama. Com a mão esquerda repete a palpação, agora, da mama direita.

Entra no banho e com uma fina camada de espuma do sabonete passada sobre as mamas repete o mesmo exame. Desta feita, a tensão superficial diminuída devido a presença da espuma dará uma sensibilidade maior na polpa dos dedos e a percepção de alterações na mama será maior.

Qual a freqüência que o auto-exame deve ser realizado?
Não muito freqüente, talvez cada dois meses ou, no máximo, após cada menstruação. Se for mais freqüente não é mais profilaxia e sim neurose! Não se esqueça de que o seu auto-exame nada tem a ver com a sua rotina no ginecologista. Ele irá palpar a sua mama no mínimo uma vez ao ano.

Isso basta para se fazer a profilaxia do câncer de mama?
Não. Realmente isso só é insuficiente, pois se você tiver mais do que 40 anos, existem uma outra forma de profilaxia dos tumores malignos da mama: a mamografia. Deverá ser feita pelas mulheres com mais de 40 anos a cada 12-18 meses com a finalidade de detectar alterações da mama capazes de serem 100% curáveis. Aquelas mulheres que tiverem na sua família um caso câncer de mama na mãe, irmã, tia ou filha, terão que iniciar antes dos 40 anos a profilaxia da malignidade da mama.
Importante é a conscientização da necessidade do conjunto de medidas: auto-exame aliado ao exame do ginecologista ou mastologista que poderá ou não incluir a mamografia.




























Copyright 2004-2017 Einar Arthur Berger Todos os direitos reservados - - - Design by Ater.com.br